Tecnologias no Nubank – Hipsters #01

Quem não tem curiosidade de entender o que está por trás de uma operadora de cartão da moda? Nesse primeiro episódio, converso com Ed Wible, CTO e cofundador do Nubank e Lucas Cavalcanti, desenvolvedor ninja por lá também! Falamos sobre a adoção de tecnologias não convencionais, seus riscos e vantagens. Clojure, Kafka (o Apache, não o Franz), microservices e bancos não relacionais são algumas das tecnologias hipsters que aparecem no piloto! É só o começo.

Fichinha da biblioteca:

Participantes

  • Paulo Silveira, host do hipsters
  • Ed Wible, CTO e cofundador do Nubank
  • Lucas Cavalcanti, desenvolvedor senior no Nubank

Alguns links citados:

Produção e conteúdo:

Edição e sonorização por eles mesmos: Radiofobia Podcast e Multimídia

Participe do nosso grupo no Facebook.

Leave a Reply

151 Comentários

    • Daniel Nazario de Oliveira

      hahaha ri muito.. ia compartilhar no whats se não estivesse bloqueado…

  1. Cássio Almeida

    O que dizer de algo que nem ouvi e já considero pacas? hahaha

    • paulo

      Depois de ouvir pode descer a lenha Diego 🙂

      • Cássio Almeida

        Cê loco. Ficou bom pra c**. Parabéns!

  2. Mauricio R. Duarte

    Parabéns, vou escutar ! Show de bola.

  3. Renan Lima

    Nem ouvi ainda, mas já garantiram minha avaliação positiva no itunes pela bela iniciativa!

  4. Daniel Nazario de Oliveira

    Caraca… já curto os nerdcasts da alura.. e já sei que vou gostar desse também… Ouvindo em 3…2…1…

  5. Lúcio Ferreira da Silva

    Muito bacana, parabéns!
    Ótima iniciativa.

  6. Rafael Pereira

    NewBank.. que burro sempre achei que fosse nubank…bela sacada do nome hahahaha

    • paulo

      Pior que acho que o burro sou eu! Eu sempre falei New e não tenho certeza se é assim mesmo.

  7. Wendell Albino

    Muito bom.
    Sugiro que seja mostrado o tempo que começa cada parte do podcast.
    Obrigado.

  8. cpappen

    Muito bom!
    O jeito é avisar a rapaziada que tem um novo podcast no ar!

  9. Bruno Roberto Gonçalves

    Curti bastante o podcast, estou estudando Clojure e entender as motivações para a escolhas das tecnologias é algo importante pra mim.
    Achei muito legal também o “Datomic”, uma alternativa para desenvolver sistemas transacionais que com certeza resolveria grande parte de problemas que já passei.

  10. Guilherme Pontes

    Botão de share, cadê? 😀
    Necessito compartilhar!

    • paulo

      Casa de ferreiro, espeto de pau! Estamos ainda ajustando o layout do site!

  11. Alan Oliveira

    Sensacional o podcast, tudo bem que não entendi muitos termos que vocês utilizaram kkkk

  12. Osmar Cavalcante

    Muito bom o podcast! Queria saber qual a lib Scala que eles mencionam como parser de binário…

  13. Palmer 

    Ótima entrevista, esses caras da Nu Bank são demais…primeiramente o serviço prestado ao usuário, e a inovação por traz de tudo.

  14. Adler Coelho Santos

    Muito bom, nunca tinha escutado o nome das tecnologias, o legal que no final tem os links ainda. Parabéns!

  15. Ricardo Hofstetter

    Fantástico! Ótima ideia aprofundar a parte técnica. Vou acompanhar os próximos.

  16. Rafael dos Anjos

    Parabéns excelente cast, já venho acompanhando os podcasts da alura com joven nerd são igualmente bons mas este aqui ficou sensacional. Para próximo ou dentro dos próximos gostaria de ouvir sobre o Elixir com Jose Valim, ele já participou de outros podcasts que acompanho, seria bacana alem de falar da linguagem, perguntar os pros e contras e diferenças comparando com Closure, e se existem projetos opensource para novatos praticarem!

    • paulo

      Rafael, o Jose Valim está na nossa mira!!!

  17. Excelente conteúdo. É inspirador ver empresas como o Nubank no Brasil, saindo da mesmice tecnológica e investindo pesado em inovação. E inovação num ramo complicado e necessitado, nada de criar mais uma rede social pra gatos.

  18. Fabiano Góes

    Pessoa, muito show de bola o podcast, fiquei com um duvida: quando o Lucas diz sobre uma tecnologia(Front-end Web) que talvez eles não deveriam ter escolhido ele está dizendo “AngularJS” ? :O

    • Lucas Cavalcanti

      É isso mesmo Fabiano. Mas não necessariamente por ser o AngularJS. É que alguns meses depois saiu o React e os wrappers em ClojureScript que eram bem melhores para o que a gente estava fazendo. Daí hj pouca gente quer mexer no código em Angular e ele ficou meio pra trás.

      • Fabiano Góes

        Entendi, cara em um projeto pensando no front-end desplugado do Backend(Java Spring Rest) integrado via API Rest, utilizando no frontend Material Designer com AngularJS você vê algum problema ou pontos negativos?

        • Lucas Cavalcanti

          Desde que vc organize bem o código e consiga escrever testes unitários pros seus arquivos javascript, sem problemas.

          • Fabiano Góes

            kkkk este é exatamente o problema que tentamo resolver hoje com AngularJS e Javascript no geral, obrigado pela atenção e parabens pelo projeto!!!

  19. Lucas Cardoso

    Senhores, meus parabéns! Esse era o podcast que faltava pra quem é da área. Continuem o bom trabalho! Abraço!

  20. Gilberto Silveira

    Show esse primeiro podcast! Ficarei aguardando pelos próximos

  21. Glauber Nóbrega

    Parabéns pessoal pelo podcast… Show de bola!

  22. Ronaldo Cesar Paggi

    Poxa qual o problema com o Cobol, trabalho com Cobol e gosto, claro que é uma tecnologia antiga, mas é muito usada nos sistemas financeiros e bancários 🙁

    • Fala Ronaldo, beleza?
      Não temos problema nenhum com Cobol! Inclusive teremos um podcast específico sobre tecnologias um pouco mais antigas, como o Cobol nos bancos 🙂

      • Ronaldo Cesar Paggi

        Opa! Vou aguardar este ai então, que é a minha “praia”
        Abraços!

  23. Claudenir Freitas

    Parabéns pelo podcast, muito manero mesmo!
    Bacana ver a visão do Nubank, muito massa

  24. Lincoln Luiz

    Show de bola! muito bom, parabéns Hipsters

  25. Fabiano França

    Muito bom o episódio. E esse formato de trazer gente que tem usado a tecnologia para falar dela foi acertado.

    No aguardo do próximo episódio.

  26. Marcelo Melo

    Cara que da hora! Tô bem feliz que será semanalmente! Por onde será possível enviar sugestões de temas?

    • paulo

      será semanal sim Marcelo! Pode mandar ideias aqui mesmo 🙂

  27. Diego Brocanelli

    Excelente podcast, começando com qualidade profissional já no primeiro episódio!!!

    A escolha do primeiro tema foi fantástico, com certeza cabe outros episódios para abordar mais sobre o assunto, parabéns pela escolha dos convidados.

    Parabéns pelo projeto!

  28. Eduardo Medeiros Pereira

    Apenas comecei a escutar e já tenho que elogiar. Parabéns pela iniciativa!

  29. Aeeeee até que enfim, parabéns pelo novo projeto, realmente estava faltando para o grupo Caelum um podcast, toda terça estarei aguardando… Sucesso

  30. Lucian Dalla Nora

    Excelente podcast! Seguindo desde já.

      • o bom e velho COBOL, ainda resiste ao tempo. Porém com cara nova!. Produtos da Microfocus como o Visual COBOL, trabalhando com Visual Studio e utilizando o .NET. E tambem podemos compilar o código COBOL como uma .class e executá-lo na JVM. Isso ajuda bastante em processos de modernizacão!

  31. ande

    Existe algum link alternativo para download? A china brasileira bloqueou aqui. ¯_(ツ)_/¯

  32. João Veríssimo

    Showwwww de bola!!!! Parabéns!!!

    • Abraão Borges Neves

      Vedovelli, acompanho seus videos no youtube e já estou sentindo falta em =D !!

      • paulo

        o louco! a podosfera e a youtbosfera é pequena mesmo!

        • Abraão Borges Neves

          Com toda a certeza! Falando nisso, Paulo ótimo trabalho, como sempre o pessoal ai mandando ver respeito ++ pra vocês =P

  33. João Cardoso

    Podcast sinistramente BOM!!!!
    Parabéns.

  34. Thom

    Ótimo! Só falta disponibilizar em Zip 🙂

  35. Ricardo Cavalcante

    Será que so eu ri quando li “Cobol” ? E ri mais ainda quando vi o “(ha!)”

  36. Diogo Campos

    Pessoal, parabéns pela iniciativa e pelo conteúdo excelente.

    Só achei um defeito: vocês deixaram uma música de fundo tocando durante o programa inteiro. Isso distrai muito e também impede o funcionamento do Smart Speed do Overcast.

    Abraços!

  37. Eu já ouvia esse podcast antes de virar modinha! Hahaha

    Parabéns Paulo e equipe da Alura 😉

  38. Neuber Oliveira

    seria legal fazer um desse com as tecnologias do whatsapp

  39. Lucas Maia

    Gostei das perguntas! Diretas conseguindo deixar o pod bem rápido! Parabéns!

  40. DuShin

    Gente o podcast foi bem legal, muitas informações interessantes, só que eu achei ele muito overproduced. Seria legal um papo mais informal, sem muitas edições, pra deixar a conversa mais fluida. Só uma opinião. Forte abraço.

  41. Francisco Prestes

    Muito legal! Alura sempre com novidades.

  42. Rodolfo de Paula

    Excelente ! Todos temos só a ganhar aprendendo Clojure. Eu só aproveito pra ressaltar aos tiozões Java (como eu) que imutabilidade _pode_ existir em uma linguagem OO, como Java. Só que somos forçados a usar remendos como Lombok, Autovalue ou Immutables. Ou migrar pra outra linguagem, como Clojure ou mesmo Scala ou Kotlin, se tipagem estática é importante pro seu caso de uso e gosto pessoal. Pessoalmente, acho lamentável que o Java 9 tenha módulos nativos da linguagem mas não algo como case classes do Scala. Hoje é possível dar uma pitada funcional ao Java usando javaslang ou cyclops-react, inclusive com pattern matching e collections imutáveis e persistentes, como Clojure implementa. Com o diferencial que você aprende um pouco sobre Monads na prática, por exemplo implementando um http://www.javaslang.io/javaslang-docs/#_try . E quanto ao Datomic, o escopo dele é maior mas só pra ficar no contexto desta entrevista , onde foi dada ênsafe a imutabilidade do banco de dados, aos eventos…humm.. isto pode ser alcançado com Java usando-se Event Sourcing / CQRS. Quer ser Hipster mesmo ? Então implemente seu próprio journal de eventos para append only e um eventstore readonly, de preferência em cima de um storage que você e sua empresa conheça bem: um RDBMS. Dica: Postgresql e Mysql recentes suportam JSON nativamente…E finalmente: como o Lucas disse, o importante é o negócio. Então foque na sua Ubiquitous Language, seus comandos e eventos e implemente usando ES / CQRS que seu código será naturalmente (e conceitualmente) funcional. Ahh, e apenas depois disso desista de vez do Java 🙂

    • paulo

      Excelente adição e aprofundamento do conteúdo @disqus_deN6IadpUn:disqus ! Eu nao diria que criar seu proprio journal é hipster, e sim suicídio hahaha :).

      • Rodolfo de Paula

        Só passando pra divulgar o https://crabzilla.github.io/crabzilla/ que explora um pouco do que comentei aqui há um ano atrás. O “journal” (log, eventstore, etc) usa MYSQL como storage mas poderia ser qualquer banco de dados com interface JDBC. Commandos e eventos são classes imutáveis. Usando Java 8. E a implementação usando Vert.x.

  43. Felipe Tavares

    Excelente episódio, parabéns galera.
    Sugestão de tema: carreiras front e back-end.

  44. Sebastião Relson Reis da Luz

    Quando morava “a trabalho” em SP fui nos meetups de datascience, muito bacana

  45. Pingback: Hipsters Ponto Tech: nosso podcast saiu da jaula! | blog.caelum.com.br

  46. Abel Aguiar

    Show de bola, excelente podcast, adicionar aos favoritos..

  47. Victor Menegusso

    Muito bom, é bem interessante saber com oque outras empresas trabalham, apresentando as vantagens e desvantagens das tecnologias. Muitos saem de faculdades/cursos com as ferramentas padrões e ficam fechados só nelas, com o podcast, ajuda o pessoal abrir mais a mente para outras tecnologias.

  48. Fred Oliveira

    Muito bom, já tenho um novo podcast para acompanhar.

  49. Marcelo Henrique Burlin

    Escutei do ultimo para o primeiro, e gostaria de dizer que está muito bom! Mas lembrar o Paulo que #WeAreThe2%

  50. Silas Vasconcelos

    Parabéns, muito bom mesmo, adicionado a lista de podcasts!

  51. Michelly Sabatiny

    Amei …Maravilhoso ,queremos mais o/

  52. Luiz Gustavo Ribeiro

    Caraca muito bom, ótimo podcast. Assuntos bem interessantes para os curiosos da área. Parabéns galera

  53. Super Suporte

    3:15 “até gringo fala C-T-O, ao inves de SI-TI-OU…”
    3:25 “temos muito para conversar com SI-TI-OU…”

    kkkkkk

  54. Diego Rosa dos Santos

    karalho, muito bom, parabéns!

  55. Jonas Schumacher

    Ouvir do CTO e cofundador da empresa que “os nossos engenheiros não gostam muito de prazos” como se fosse algo comum e de menos importância é fantástico… hehe

    O podcast está d+, parabéns!

  56. Cristopher Jonas

    Já ouvi muitos podcasts mas nunca vi um cast tão bem feito, digo pela qualidade do audio, arranjo, volume etc. E também pela qualidade de conteúdo, os entrevistadores sabem MUITO do tema, conhecem bem os entrevistados, o q garante essa qualidade impecável… Parabéns a todos.

  57. Muito bom presenciar o surgimento deste podcast! Comecei ouvindo o nerdcast lá no portal do Jovem Nerd e vim parar aqui. São trabalhos excelentes, lá com toques de humor e aqui com as discussões mais aprofundadas, com qualidade no conteúdo e em sua forma. Parabéns hipsters! Só uma sugestão, às vezes não consigo baixar o podcast devido às restrições de proxy e firewall, teria como disponibilizar em outros locais, ou de forma nativa como é o nerdcast. Obrigado!

  58. Pingback: Agile Testers Meetup #1, como foi? – A Garota do Teste

  59. Márcio Sancho

    Show de bola! Cast muito bom. Parabéns Caelum/Alura/CasadoCódigo/etc… 😀

  60. Vandemberg Silva Lima

    As vezes quero voltar alguns minutos no eps e o player some!
    Existe alguma área para dar report desses bugs?
    Abraço, galera da Alura

  61. Bruno Oliveira de Alcântara

    Muito bom! Embora já faça bastante tempo, eu estou chegando no Hipsters agora, conheci essa semana o site e essa entrevista com o Nubank foi ótima para conhecer algumas coisas. Gostei especialmente do bando Datomic.

  62. Pingback: Podcast: Tecnologia – Blog do Fernando Quadro

  63. Pingback: Hipsters: o podcast de tecnologia e outras modinhas - Ctrl Zeta

  64. Rods

    Muito, mas muito bom mesmo!

    Legal ver como a programação funcional afeta a forma com as pessoas pensam sobre / escolhem tecnologia.

    Por exemplo, enquanto a maioria que esta no mundo OO tende ao AngularJS e toda sua API gigantesca e complexa.
    A galera do Funcional, tende a simplicidade, por exemplo React com uma API minúscula e simplista.

  65. Caui Chagas

    Muito bom! Extramamente esclarecedor, é positivo ver novos negócios se consolidando com a cultura de melhorar a experiência do usuário, utilizando tecnologias inovadoras para gerar valor real. Acredito em um futuro onde isso se tornará mais comum e amplamente utilizado. Infelizmente, aqui no Brasil essa é a realidade de poucas empresas. A maioria veem utilizando a tecnologia como forma de resolver os problemas que elas acham que tem, esquecendo de levar o usuário em consideração e ver o que realmente agrega valor a essas pessoas. Outro ponto muito interessante é a cultura desprovida do medo de errar, fornecendo o combustível necessário para que a inovação aconteça, o erro faz parte do processo, mas a forma como você lida com ele é o que difere. Em relação as tecnologias, achei interessante o mix que o Nubank veem utilizando, principalmente a ampla adoção dos microserviços, usando linguagens inovadoras e um ambiente voltado a escalabilidade, será com certeza algo que irei focar meus estudos à partir de agora. Para finalizar, fico feliz de ver exemplos que deram certo, sei que muitas das startups não passam dos primeiros anos de vida, espero que o futuro seja desburocratizado, com facilidade de acesso, que as pessoas tenham oportunidade de consumir serviços de qualidade por um preço justo, em todas às areas. Parabéns!

  66. Elias Flávio de Paiva

    Gostei muito do programa. Estou ouvindo em maratona. Parabéns, muito interessante.

    Ainda tem muitos termos que não conheço, sou principiante, mas, estou gostando bastante.

  67. Daniel Araújo

    Achei o podcast bacana não só pelas tecnologias, mas principalmente pela forma de pensar dos participantes. Contratar pessoas com facilidade de aprendizado, em vez de especialistas na tecnologia, estudar qual a melhor ferramenta para se resolver um problema, em vez de se utilizar o que já se domina, entre outras.

  68. Ricardo Martins

    Falou de reactivex no fim. Será que tem reactivex nos apps também? RxSwift por exemplo.

  69. Nathan Tomaz

    Gostaria de dizer q o algoritmo de crédito do Nubank é uma verdadeira merda, os cara aprovam gente sem emprego e sem comprovação financeira nenhuma e reprovam qm já trabalha a anos e é negado automaticamente… Imagina o tanto de calote q eles n levam com esse “bot” mto espertinho kk

  70. Isac Moura

    Esse episódio piloto ficou muito bom. Inclusive tô voltando aqui pra rever os comentários sobre as tecnologias utilizadas pelo Nubank

Next ArticleVida de Agência - Hipsters #02