Pull Requests e Code Review – Hipsters #64

Cansado de tantos branches, pull requests e revisões técnicas? Conversamos sobre técnicas para fazer tudo isso de uma maneira mais bacana.

Participantes:

Links:

  • Ebert, da turma da Plataformatec

Produção e conteúdo:

  • Alura Cursos online de Tecnologia
  • Caelum Ensino e Inovação

Edição e sonorização: Radiofobia Podcast e Multimídia

Leave a Reply

21 Comentários

  1. Vandemberg Silva Lima

    Que susto eu levei no minuto 11:20, ouvindo a voz do cara de boa do nada o barulho do robo! ADHUHSD! Nao sei pq me assustei, mas dei um mini pulo da cadeira.

  2. Filipe Rehder

    Oi nao achei o link do Guidelines do CodeReview…

  3. Lucas Palma Stabile

    Olha só, esse tema veio bem quando estou vendo o curso de Git hehe. Essa prática de pull requests parece bem interessante de se adotar mesmo, ainda mais pelo valor de dividir o conhecimento pela equipe.
    Por onde já trabalhei, só revisamos os códigos na hora da manutenção mesmo e aí é tarde demais. Recentemente acabei vendo um if ternário para incluir um “0” à esquerda apenas se a string possuía um único caractere. Ficaria muito mais fácil utilizar a função PadLeft que inclui o caractere que você deseja à esquerda até ficar do tamanho estipulado, uma revisão de pull request teria ajudado a identificar nesse caso.

  4. DuShin

    A galera de TI não é conhecida por ter muita habilidade de comunicação, tanto verbal como escrito. Adicionado a isso existe uma questão de egos, inerente ao ser humano. Obviamente tudo isso gera problemas quando falamos de code review e o porquê de ser um fardo pra muitos desenvolvedores. Minha opinião: a não ser que você queira propositalmente rebaixar outros desenvolvedores, o que espero eu não ser o caso da maioria, aprenda a se comunicar e passar feedback (COMUNICAÇÃO NÃO VIOLENTA). Muitas vezes é gerado picuinha e divisões na equipe porque você simplemente não soube se expressar de forma apropriada.

  5. DuShin

    A galera de TI não é conhecida por ter muita habilidade de comunicação, tanto verbal como escrita. Sem contar a questão de egos, inerente ao ser humano. Obviamente tudo isso gera problemas quando falamos de code review e o porquê de ser um fardo pra muitos desenvolvedores. Minha opinião: a não ser que você queira propositalmente rebaixar outros desenvolvedores, o que espero eu não ser o caso da maioria, aprenda a se comunicar e passar feedback (COMUNICAÇÃO NÃO VIOLENTA). Muitas vezes é gerado picuinha e divisões na equipe porque você simplesmente não soube se expressar de forma apropriada.

  6. Marcelo Bohn

    Ontem fiz code review do código dos meus alunos, estou usando Github com os alunos do curso técnico e passei a fazer comentários para revisar e devolver aos alunos, ainda não usamos Branchs e PRs, mas fica a dica para usar em aula.

    • Vinicius Amorim de Lima

      Aleluia um professor sensato! Falta se aprofundar mais no versionamento de codigo, mas já é um progresso e tanto!

      • Marcelo Bohn

        Sim, objetivo é mudar as coisas. Git e testes unitários tudo no Github.

  7. André Rezende

    Onde eu encontro o guideline comentado no Podcast para realizar comentários em “merge request”?

  8. Ednaldo Dilorenzo

    Eu acho revisão de código uma excelente prática, principalmente quando programadores mais experientes revisam código de programadores menos experientes. Porém, cuidado deve ser sempre tomado pra que o time não seja sobrecarregado, principalmente os programadores mais experientes. Já trabalhei em uma empresa onde o programador mais experiente só inspecionava código.

  9. Rodrigo Gattermann

    Gostei muito da idéia de utilizar gif’s animados para descrever funcionalidades de cada PR. Em pesquisas que fiz, não encontrei nenhum extesão chrome/firefox que me agradasse, então encontrei o Peek. Interface simples e que já faz o save em .gif (https://github.com/peek/peek).

Next ArticleUm pouco mais para a esquerda – Vida de Hipster #11