Data Science e Política na Operação Serenata de Amor – Hipsters #62

Diversos projetos open source tentam trabalhar com os dados abertos do governo e outras entidades de transparência. A operação Serenata de Amor é certamente um dos projetos mais bem sucedidos e estruturados. Conheça um pouco dos objetivos do grupo e tecnologias existentes por trás.

Participantes:

Links do episódio:

Produção e conteúdo:

  • Alura Cursos online de Tecnologia
  • Caelum Ensino e Inovação

Edição e sonorização: Radiofobia Podcast e Multimídia

 

Leave a Reply

37 Comentários

  1. Luiz Costa

    Bom dia Hispters, ótimo podcast e esses gastos com o dinheiro público menor que seja como vocês disseram, deve ser coibido. Dúvida, mostrar os gastos do político no próximo ano, que é um ano de eleição é algo juridicamente legal? Abs e parabéns!!

  2. Henrique Droog

    Bom dia Hipsters, o podcast de hoje estava muito bom. Acho realmente importante ver estas iniciativas usando tecnologia na tentativa de ajudar a parar a corrupcao ja no seu comeco.

  3. Vitor Panuci

    Muito interessante este projeto, existe alguma API para que possamos obter os dados “mastigados” pela Rose?

  4. DanCoutoS

    Acho que o Iuri e o Eduardo não podem mais andar de avião no brasil.

    • Vitor Panuci

      Confesso que quando li o título do podcast eu pensei “Ué, Gregório no Hipsters, não entendi”

  5. ²He

    Pedi faz um tempo, tava na lista, e saiu! o/

    Programa muito bom, já trabalhei com IA e estatisticas no TFG e estou aprendendo python, não lembrava que a Op. Serenata de Amor era em Python, vou explorar mais e tentar contribuir com algo.

    Quanto ao problema de as denuncias terem que ser feitas por um CPF e que a Rose pode errar em alguma análise. Pq não trabalhar com voluntários como “Mechanilar Turk”? Cadastrar os voluntários, talvez filtrar alguns ou distribuir mesmo pra qualquer um que se cadastre e entregar as denuncias “montadas” pra validação de alguém e essa pessoa fisica faria a denuncia e indicaria isso de volta pro sistema, talvez com um número de processo ou algo assim.
    Caso essa informação não volte (processo aberto ou falso positivo) ou se a pessoa não abrir o processo (não sei se tem como checar), disparar a mesma denuncia pra outra pessoa.

    Ou usar varias pessoas pra checarem os dados, como um “captcha”.

    Sei la, to empolgado =X

    Att.

    • ²He

      PS: Tem algum caminho simples pra reportar um erro no sistema do Jarbas?
      Fiz uma busca, os dados são de uma nota fiscal mas o “pdf” é de outra nota, em outro valor, outro nome, completamente diferente.

    • Já tentamos algo como “mechanical turk”. O problema foi que para a denúncias serem qualificadas as pessoas precisam de um conhecimento específico da legislação… por isso não deu certo ; )

  6. Ednaldo Dilorenzo

    Muito boa discussão. Acho que temos que usar nosso conhecimento para melhorar o país. Pois para cobrar impostos temos tecnologia de ponta, mas para fiscalizar não temos, e se depender de iniciativa dos políticos, nunca teremos.

    Achei muito interessante também os caminhos que ainda podem ser explorados.

  7. Rubinho_sjr

    Muito interessante, principalmente por estar iniciando meus estudos em analise de dados.
    Acabei de ver a API e a documentação aqui e vou dar uma olhada mais a fundo (não que eu vá entender algo)
    @cuducos:disqus e todos os envolvidos parabéns pela excelente iniciativa.

    • Rubinho_sjr

      SUAHSUHA Ai ouvindo o cast completo a gente vê que não precisava ter feiro a pergunta porque os caras deram umas dicas fenomenais exatamente pra quem ta começando =]

  8. Antonio Neto

    Aqui na paraíba(que é onde moro) tem um evento que tem o apoio do ministerio publico que é para incetivar esses tipo de projetos, como o serenata, contra a corrupção que é o hackfest,(http://hackfest.com.br/ )

  9. Talita sousa

    Conteúdo perfeito como sempre.

    Introdução muito ruim eu sempre coloco para rodar e vou tomar café para não ouvir a introdução

  10. Marcos

    Um projeto análogo é a OPS (Operação Politica Supervisionada) do Lucio Big. Não tem tanta tecnologia, mas é efetivo e vale ser citado pelo tema.
    https://ops.net.br/

    A OPS também é colaborativa, já trabalha com dossiês há um bom tempo e já recuperou alguns milhões do dinheiro da CEAP gasto indevidamente.

  11. Marcelo Ribeiro

    Episódio excelente e o projeto também.

    Só achei que muito curto o episódio, creio que poderia ter durado um pouco mais.

    A “melhor” linguagem para trabalhar com Data Science (em geral) é Python mesmo? Ou tem outras melhores?

  12. Parabéns pelo episódio! Um dos melhores com certeza, baita iniciativa

  13. Dreyfi Ferreira

    Acho que principalmente isso deve ser denunciado ao povo. Deveria haver uma página pública, mostrando em tempo real os gastos suspeitos.

  14. Ana Paula Radaelli

    Belo episódio, importantíssimo! Inclui um capítulo sobre a Operação na Série Eleições 2018 – https://bit.ly/2E0m7U9!
    Valeu, Hipsters!

Next ArticleDocumentação para o usuário – Vida De Hipster #08